terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Pessoas Especiais


Nessa tarde sem fazer nada...pensei é tá na hora de atualizar meu blog...
Enquanto pensava em um tema, nada veio a mente. Ou melhor tantas coisas vieram a mente, tem tanta coisa acontecendo nesse Brasil, tanto absurdo, tanta confusão, tanto político sem vergonha...
Mas antes que o sentimento de raiva viesse a tona, pensei...
Tanta coisa ruim já é noticiada, tanta coisa triste já está estampada, por que não nesse momento falar sobre detalhes abandonados pelas pessoas, por que não falar de sentimentos difíceis de decifrar e mesmo difíceis de se manifestar?
Se as noticias só reproduzirem a raiva penso longe não iremos, precisamos de indignação. Contudo, para que as noticias produzam indignação precisamos despertar outros sentimentos o de amor ao próximo, a compaixão e o respeito.
Só que mesmo considerando a importância desse assunto, no momento quero falar de algo mais delicado.
Quero falar das pessoas especiais: aquelas que fazem você se sentir diferente, aquelas que despertam a vontade de viver e lhe dá sentido, nem que seja por poucos segundos.
Essas pessoas especiais podem estar em qualquer lugar e não importa o tempo que se passe ao lado dela: Por mais que sejam segundos, você foi feliz.
Você pode encontrar essas pessoas no ponto de ônibus, em um cruzamento, no elevador, em uma festa entre amigos. Por mais que não troquem palavras, um único olhar já lhe faz sorrir, já radia paz, esvazia a mente e você pensa: eu fui feliz!
Quantos detalhes, quantos gestos, quantas pessoas...
Tenho encontrado muitos desses seres por onde eu ando e isso me desperta.
Esse final de semana encontrei uma dessas pessoas. Um ser bem curioso por sinal: alegre, discreto e tímido. Pouco sei sobre esse misterioso indivíduo que me despertou um sorriso doce, um carinho diferente e uma vontade de estar perto.
Eu gostaria que o tempo ao seu lado de algumas dessas pessoas que passam correndo por nossas vidas fosse um pouco mais duradouro, queria ter em meu rosto esse sorriso puro e meigo por mais tempo.
Eu gostaria eternizar a felicidade, e simplesmente seguir em silencio ao lado de pessoas que, por mais que eu não saiba quem sejam, conseguem me tranqüilizar com o olhar.
E mais do que querer isso para mim eu quero ser alguém que reproduza a paz. 
Que meu toque, meu beijo, meu abraço, meu olhar seja reprodutor das palavras mais doces que o silêncio não é capaz de pronunciar e que você fique ao meu lado pelo eterno tempo da felicidade.

Bom fim de tarde!

P.S: Curiosidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário